Home Política SENADOR DO PT QUER INCLUIR TRANSGÊNEROS NA LEI MARIA DA PENHA

SENADOR DO PT QUER INCLUIR TRANSGÊNEROS NA LEI MARIA DA PENHA
0

SENADOR DO PT QUER INCLUIR TRANSGÊNEROS NA LEI MARIA DA PENHA

0

O Projeto de Lei do Senado Federal nº 191, de 2017 de autoria do senador petista Jorge Viana (AC) quer incluir entre as pessoas protegidas pela Lei Maria da Penha as mulheres transgêneras e transexuais, ou seja, pessoas que não nasceram biologicamente do sexo feminino, mas que sentem-se ou optam por ser mulheres. O senador explica que o texto reconhece como justo que pessoas que se identificam como integrantes do gênero feminino tenham o direito à proteção, principalmente, por causa do alto número de agressões identificadas no ambiente doméstico e também nas ruas.

A violência contra a comunidade LGBT são sabidos e precisam ser combatidos. Mas não porque se trata de crime contra alguém por sua opção sexual e sim porque a violência contra qualquer ser humano é crime e merece punição sob as penalidades da lei.
O que vivemos atualmente é uma segregação por parte de políticos que querem, através da legislação, vitimizar quem optou por divergir do sexo que as define biologicamente como se essas fossem, por isso, mais necessitadas de proteção do que as outras.

A ideologia de gênero e opção pelo sexo de afinidade não mudam as características genéticas do ser humano. Um homem que se identifica como mulher continua, em sua essência e seu DNA com a estrutura masculina. A força de um homem, em sua maioria esmagadora, supera a de uma mulher.

Equiparar transsexuais, trangêneros, os trans existentes e os que ainda serão criados com mulheres nascidas e reconhecidas pelo sexo feminino é não apoiar a transexualidade e sim ignorar as características distintas que distinguem homens e mulheres desde a sua criação.

Em fase de votação popular, a enquete está disponível na página do senado federal para apontamento popular. Até 11/08 às 14:13, do total dos votos aputados, cerca de 6.990 pessoas votaram favoráveis à mudança da lei contra 4.147 que são contrárias à inclusão de transsexuais à lei.
Dê sua opinião e vote.

 

Jorge Viana e Lava Jato

O Senador Jorge Viana (PT-AC), é investigado em inquérito autorizado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
Jorge Viana será investigado junto com seu irmão, Tião Viana, governador do Acre, também do PT.
Segundo o Ministério Público, o senador Jorge Viana pediu dinheiro para campanha eleitoral de seu irmão, Tião Viana, ao governo do Acre, em 2010. Os delatores disseram na delação da empreiteira que repassaram R$ 2 milhões à campanha de Tião Viana, sendo R$ 500 mil como doação oficial e os outros R$ 1,5 milhão como caixa 2.

A Procuradoria Geral da União fez o pedido com base nas delações do ex-executivo da Odebrecht, Hilberto Mascarenhas e do ex-presidente da empresa, Marcelo Odebrecht.

Supersalário

Jorge Viana também figura na lista de senadores que recebem a indecência dos supersalários nos três Poderes que superam o teto constitucional de R$ 33,7 mil. O valor da remuneração total bruta varia entre R$ 52,7 mil a R$ 67,5 mil.

Comentários