Home Política PEZÃO VETA PROJETO, IDEALIZADO POR ELE MESMO, QUE REDUZIRIA O SEU E O SALÁRIO DE DORNELLES

PEZÃO VETA PROJETO, IDEALIZADO POR ELE MESMO, QUE REDUZIRIA O SEU E O SALÁRIO DE DORNELLES
0

PEZÃO VETA PROJETO, IDEALIZADO POR ELE MESMO, QUE REDUZIRIA O SEU E O SALÁRIO DE DORNELLES

0

Pior que o desgoverno que vive o estado do Rio de Janeiro é ter que conviver com o deboche do governador Luiz Fernando Pezão, que hoje, literalmente, enfiou o pé sobre os servidores e cariocas ao vetar projeto que ele mesmo idealizou que reduziria o seu e o salário do vice-governador Francisco Dornelles em 30%.
Apoiado pela maioria dos 48 deputados presentes à sessão que decidiram por manter a bagatela que recebe o governador responsável pela maior crise financeira no estado das últimas décadas.
enquanto os servidores passam fome, Pezão continuará ganhando salário, benefícios e gozando de todas as regalias que os cofres públicos oferecem, compulsoriamente.

Secretários estaduais e seus supersalários garantidos

Não só o governador e seu vice permanecem na ‘vida mansa’ os secretários estaduais que recebem acima do teto constitucional do Estado, de cerca de R$ 28 mil, também poderão manter o valor pago. Com isso, alguns assessores diretos do governador continuarão a receber aproximadamente R$ 50 mil ou mais, como é o caso de Gustavo Barbosa (Fazenda) e Wagner Victer (Educação).

Quanto ganha o governador do Rio?

O governador é o representante do Poder Executivo na esfera estadual. É ele o principal responsável pela articulação da administração do estado com os governos municipais e federal. Mas você sabe quanto ele ganha para realizar esse trabalho? Confira quanto ganha um governador no Brasil.

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, recebe um subsídio mensal de R$21.868,14. Em 2016, o governador enviou à Assembleia Legislativa um pacote de redução de gastos que incluía uma redução em 10% do seu próprio salário, do seu vice e dos secretários de estado. Com isso, o governador passaria a receber uma remuneração de R$ 19.681,33 mensais, enquanto o salário do seu vice passaria de R$ 19.681,33 para R$ 18.421,99.

Contudo, quando o projeto chegou no legislativo, os deputados estaduais estipularam uma redução de 30% no salário do governador, que com isso passaria a ganhar R$ 15.307,70. Ainda que essa proposta tenha sido aprovada na Assembleia, Pezão voltou atrás sobre reduzir seu salário e vetou a redução de subsídio. Com isso, continua a receber aproximadamente R$ 21,8 mil reais.

Comentários