Home Economia Penhorar jóais é empréstimo mais barato

Penhorar jóais é empréstimo mais  barato

Penhorar jóais é empréstimo mais barato

0

Com desemprego e inadimplência em alta, não está fácil conseguir um empréstimo. Uma saída pode ser o penhor de uma joia de família na Caixa Econômica Federal.
Penhorar ou colocar uma joia “no prego” também é chamado de empenhar. Significa deixar uma joia como garantia e pegar um empréstimo. Depois de pagar o empréstimo com juros, dentro do prazo, a pessoa pode retirar a joia de volta. Mas, se atrasar, perde a joia.
Pode ser uma correntinha de ouro, um relógio, uma aliança, uma joia de família. Os juros são um dos mais baixos do mercado. São aceitos clientes até mesmo com o nome
sujo na praça.

Dinheiro na hora
Quem contrata o penhor recebe o dinheiro na hora, sem necessidade de avaliar o risco de crédito, já que a garantia do empréstimo é a joia. Não é preciso ser cliente da Caixa nem ter o nome limpo. Basta estar com o CPF regular na Receita Federal.

jóia vai a leilão
O pagamento pode ser feito de duas formas: em parcela única, com vencimento em até 180 dias, ou de forma parcelada, de 2 até 60 meses. O empréstimo pode ser renovado quantas vezes o cliente quiser. Mais de 30 dias de atraso, a jóia pode ser leiloada.

VALOR
Ouro vale até R$ 97 o grama

Só Caixa faz penhor
Só a Caixa Econômica Federal oferece o empréstimo
por penhor.

Comentários
tags: