Home Sociedade LEITORES COM A PALAVRA

LEITORES COM A PALAVRA
0

LEITORES COM A PALAVRA

0

COAF E A CORRUPÇÃO CAÇA AOS CORRUPTOS

Mais de 90% dos casos de corrupção são cometidos pelos graúdos. Daí, como são muitos, têm força e influência, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) está em vias de, só com autorização judicial, repassar informações à Polícia Federal, proibindo o repasse espontâneo. O Coaf é vital no combate ao crime organizado. Os graúdos se sentem incomodados com a atuação e, como no Brasil o crime compensa, o Coaf está na eminência de ser tolhido.

Humberto Schuwartz Soares – Vila Velha (ES)

 

A INVOLUÇÃO DA IMPRENSA

No século passado as notícias foram trocadas pelos Factóides.   Nos anos recentes surgiram as FakeNews e agora estamos vivendo o ano das Hacked News; vendidas a pseudos jornalista, editadas conforme a conveniência dos seus compradores, que se ocultam sobre o “anonimato das fontes”.

Cláudio Juchem – São Paulo (SP)

 

PERGUNTAR NÃO OFENDE

Os diálogos e conversar grampeadas que o Min Fux requisitou serão os originais ou os editados pelo “jornaleiro” Glenn Greenwald?

Claudio Juchem  – São Paulo (SP)

 

CAÇA AOS CORRUPTOS

Com Sérgio Moro e Deltan Dellagnol e a Lava Jato e muitas figuras impolutas, até então intocáveis, migalhas das corrupções foram devolvidas e o brasileiro de bem sentiu uma nesga de esperança. Moro priorizou o Brasil ao trocar um cargo vitalício pelo de ministro, sujeito a alfinetadas de todos os lados. Tudo para dar sequência ao combate aos malfeitos. Envolvidos, amigos dos envolvidos, graúdos ou parentes na lente da PF, malfeitos e malfeitores afloram com auxílio do Coaf. Mexeram num vespeiro. Daí o combate ao Coaf e querer desestabilizar os justiceiros com o fio da meada de falcatruas e isso não fica de graça. Novas forças, nos mais destacados níveis, contrárias ao combate à corrupção são arregimentadas e está cada vez mais difícil passar o Brasil a limpo. Que Deus ilumine os justiceiros, não desistam, prossigam na caça aos corruptos.

Humberto Schuwartz Soares – Vila Velha (ES)

 

DILMA NA UOL

Em entrevista a UOL a ex-presidente Dilma criticou Bolsonaro e a reforma da Previdência, acrescentou que se continuasse no governo faria uma reforma diferente, melhor. Bolas. Ela ficou muitos anos no governo, só como presidente foram seis e o que fez foi bagunçar o Brasil e quase nocautear a Petrobrás, Bolsonaro, em sete meses está fazendo o que ela não fez em anos… Conta outra Dilma.

Humberto Schuwartz Soares – Vila Velha (ES)

 

CONSIDERAÇÕES ATUAÇÃO MAGISTRADOS STF UMA DAS URNAS TUPINAMBÁS ENCONTRADAS EM ARARUAMA ENCONTRA-SE EM EXPOSIÇÃO NA CASA DE CULTURA DE ARARUAMA.

Prezados Ministros do STF, Na condição de brasileiro, venho exercer meu direito de manifestar-me, com o devido respeito apoiado na CF, conforme indicação que segue:
“Como sabemos, a declaração constitucional de direitos, inscrita no texto de nossa Lei Fundamental, assegura, a todos, o direito de petição aos poderes públicos, consagrando, em favor das pessoas em geral, uma faculdade que tem sido reconhecida ao longo do constitucionalismo brasileiro, desde a Carta Política do Império do Brasil (art. 179, n. 30), transitando, sem qualquer exceção, por todas as Constituições republicanas, até o vigente ordenamento constitucional (CF/88, art. 5º, inciso XXXIV, “a”), sempre atribuindo, aos cidadãos e à generalidade das pessoas, a prerrogativa de apresentar, aos órgãos competentes do Estado, queixas, reclamações e denúncias de abusos, além de propiciar-lhes a possibilidade de oferecer representação propondo a adoção de medidas que materializem a sua posição e o seu pensamento…” (ADPF 187/DF, pag. 37, voto do ministro Celso de Mello, http://www.stf.jus.br/arquivo/cms/noticiaNoticiaStf/anexo/ADPF187merito.pdf )
Baseando meu direito de expressão, apresento ponto de desagrado ante a atuação dos magistrados do Supremo Tribunal Federal, a saber:
a) Inquérito para apurar ataques contra ministros STF;
    – iniciativa descumpre claramente o ordenamento jurídico, pois o poder judiciário deve ser provocado e nunca tomar iniciativa; e para descumprir mesmo o ordenamento jurídico, além da iniciativa tomada, tem pedido diligências sem atentarem a casos determinados; assim por qualquer contrariedade que julgarem, um outro cidadão exercendo seu direito de pensamento, entra no radar de investigações; com o direito de ponderar que me cabe, trata-se de uma verdadeiro absurdo!
b) legislando contrariamente à CF, a qual deveriam zelar;
    – união homoafetiva – a CF diz claramente que para efeito de amparo por parte do Estado, é reconhecida a união entre homem e mulher!
    – aborto – já reconhecido o direito até o terceiro mês de gravides, e em breve deverão pautar o direito até o oitavo mês, estou correto na observação?
c) Suspensão atividades de investigação com base alertas do COAF;
    – é sabido que o COAF após ser informado pelos bancos, que devem informar toda movimentação atípica, para efeito de detecção de possivel delito de lavagem de dinheiro; inclusive a atividade foi instituida exatamente para tal finalidade; por determinação do ministro Toffoli, as operações de investigação encontram-se paralizadas e com implicações a ponto de advogados de defesa estarem pedindo libertação de seus clientes que foram investigado e julgados por lavagem de dinheiro! há sentido na decisão?
d) Suspensão de investigação por parte da receita Federal, de ministros do STF e de outros beneficiados no despacho;
    – nós cidadãos normais, somos passíveis de cair na malha fina e cumprindo determinação, nos dirigimos ao órgão para prestarmos esclarecidos quanto aos pontos de inconsistências levantados;  pelo visto para ministros do STF não devem ser alcançados? por que? seriam mais cidadãos antes os demais? entendo que autoridades, até por dever de ofício deveriam ser prontamente solícitos apresentando imediatamente os informes requeridos e nunca a proibição de serem ao menos observados?
d) Concessão habeas corpus para Elias Maluco; 
    –  a vida pregressa de tal presidiário, aponta tratar-se de uma pessoa que não deve conviver com a sociedade, sem o conveniente privá-lo pelo menos até o cumprimento pleno da pena; alguma dúvida disso? não caberia ponderação à respeito?
e) Acolhimento de provas colhidas ilegalmente, de conversas privadas;
    – tal material ilícito, já conta com manifestações por parte de integrantes do colegiado do STF, considerado como válidas para anular condenação do ex-presidente Lula; agora quando a Revista Cruzoé, publicou depoimento anexado a processo, a revista foi prontamente censurada? curioso, um material obtido de modo ilícito poderá ser aceito e em contrapartida o material fruto de delação outorgada, os senhores magistrados permanecem sem considerarem com a mesma ênfase, ante o material ilegal? desculpem a franqueza, mas parece-me considerações bem contraditórias!
    – indignação por parte de alguns ministros do STF, alegando que o juiz natural não pode conversar com as partes? ao longo dos tempos temos vistos noticias, na qual os senhores ministros ministros conversam com as partes envolvidas e ninguém levantou motivo algum de dúvidas, não estou certo?
    –  a imprensa já antecipada com base a sondagem de ministros que aventam possibilidade de anulação de julgamento do ex-presidente Lula?
f) gastos com esbanjamento;
    – o TCU após analise, apontou uma série de gastos incompatíveis no tocante a viagens – não definidas para nós cidadãos, se referiam-se por viagens necessárias para o exercício da função e/ou palestras de cunho particular –  promovidos pelos ministros; seria no mínimo de se esperar, por parte de suas excelências, que em longos período de aperto financeiro pelo qual passa o país, que deveriam atentar a tal por atenção?
    – licitação para jantar com lagosta – nada contra o senhores se alimentarem bem, porém entendo que deveriam sim, promover sob dispêndio pessoal!
g) pedido aumento de salário em contrapartida abririam mão do auxilio moradia;
    – como ficou tal entendimento? pelo que consta, ficaram de oficializar durante o governo Temer e se não tiver enganado, ainda continuam recebendo, todos os magistrados, tal benesse, procede?
f) a velha máxima que diz que tudo acaba no STF;
    – entendo que suas excelências como guardiões da CF, deveriam analisar apenas questionamentos que uma das partes considerassem inconstitucional, e/ou alguns caso especiais para concessão de habeas corpus, estou correto? excetuando tais, levanto questão como, o por que de acolherem questões como o exemplo do habeas corpus concedido para Elias Maluco? vários pedidos de habeas corpus parao ex-presidente Lula? o caso de injuria contra a deputada Maria do Rosário contra o então dep. Jair Bolsonaro? a imprensa comenta a possibilidade de determinarem  afastamento do procurador Deltan da Lava Jato, como assim? enfim, quais são os pontos de inconstitucionalidade que abarcam esses exemplos, para serem submetidos ao STF? de certa maneira, incorre em situação de desconforto pois correspondem última instância, no exemplos citados, instância indevida por não ferir a CF,  uma vez decidido não há como apelar?
g) decisão tomada monocraticamente com implicações impensáveis;
    – recentemente um ministro havia tomado decisão que libertaria por volta de 170 mil detentos, e milhares desses, seguramente de alta periculosidade para o convívio na sociedade?
    – a última decisão, na prática anula toda sentença, cujo detido contou com base na lavagem de dinheiro, pois contou o incio da investigação com o alerta do COAF,como pode?
Poderão me perguntar, por que copie os presidentes do legislativo, e para tal, respondo:
– para que saibam e procurem cobrir lacunas nas leis para evitarem, o quesito na qual comentei o ativismo judicial!
– que o incomodo que paira para nos cidadãos com noticias de gastos incorrido junto ao STF, também nos indignam o que têm promovido nas duas casas do legislativo também! entendo como um ponto de iniciativa para correção, seríamos o de pressionar os responsáveis pela elaboração da peça orçamentaria, para que comecem a rediscutir o percentual aplicado sobre o PIB, para transferências para os demais Poderes?
– a indignação quanto à possível interpretação quanto acolhimento de provas obtidas ilegalmente serem validas, passando claramente uma mensagem que contraria plenamente o pensamento e desejo da sociedade!
– que que tantos casos noticiados que requerem investigação quanto ação de alguns ministros do STF, que o senador Davi Alcolumbre, acredito que nesses 15 dias de férias, tenha ouvido suas bases, e que deva acolher pedido de abertura de CPI da Lava Toga, e/ou então, acolher pedido de impeachment de alguns ministro da Corte?
– através do arrazoado saiba que passamos do estágio de apenas desabafarmos entre cidadãos que se indignam com os atuais rumos da politica e caminhos do judiciário, e agora estaremos sim, interpelando, peticionando as autoridade públicas, conforme texto extraído do despacho do ministro Celso de Mello!
Rogando pela devida consideração por parte dos nobres ministros e dos nobres parlamentares, firmo,
 
Amauri Oliveira – S.Paulo (SP)

UMA DAS URNAS TUPINAMBÁS ENCONTRADAS EM ARARUAMA ENCONTRA-SE EM EXPOSIÇÃO NA CASA DE CULTURA DO MUNICÍPIO

Araruama possui uma riquíssima Arqueologia. Em Morro Grande (Segundo Distrito de Araruama), encontra-se o segundo maior Sítio Cerâmico do Brasil. A Arqueóloga Ângela Buarque foi a pioneira nas pesquisas Arqueológicas em Araruama. Abaixo, o pesquisador Wellington Mello explica sobre essa Urna Tupinambá: “Araruama possui uma rica Arqueologia. Possuímos a segunda maior História Indígena Tupinambá do Brasil. Só perdemos para Florianópolis. Essa Urna possui cerca de 1780 anos A / P ( Antes do Presente). Servia para os povos Tupinambás sepultaram seus entes queridos. A mesma está em exposição na Sala Arqueóloga Ângela Buarque, na Casa de Cultura de Araruama”, disse o pesquisador
Wellington Mello – Araruama (RJ)
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

GOSTOU DA COLUNA “LEITORES COM A PALAVRA”? PARTICIPE TAMBÉM!!!!

Envie seus comentários para jornalnacaobrasil@gmail.com que teremos a honra de publicar.

Comentários
-- Jornal Nação --