Home Brasil Depois de estrangular população, Alerj quer presentear sambista com medalha

Depois de estrangular população, Alerj quer presentear sambista com medalha
0

Depois de estrangular população, Alerj quer presentear sambista com medalha

0

Não é só de pacote de austeridade que vive a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Em meio às votações dos polêmicos projetos do Governo para conter a crise, há espaço também para congratulações. Uma delas é o pedido para a entrega da Medalha Tiradentes à ex-rainha de bateria Quitéria Chagas, que está em pauta nesta terça (13) logo após a votação de um dos temas do pacote, sobre aumento de ICMS.
A medalhas, porém, são alvo de polêmica, não necessariamente pelo valor, mas principalmente pelo momento que o estado vive. De acordo com o cientista político e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Jairo Nicolau, o momento para este tipo de discussão é inapropriado. Ele diz que as congratulações já entraram no “campo do folclore” e que nem sempre é fácil convencer os políticos a se comportarem “à altura do momento em que a gente vive”.
“Sou daqueles que acha que, em momento de crise, é necessário se comportar como se estivesse em crise. Talvez um evento desses não fique bem. Em situações normais, me parece rotineiro, é até explicável. Mas no momento de crise é um pouco demais. Todas festas, todos eventos deveriam ser cancelados [na Alerj]”, opina.

 

Fonte: Globo

Comentários
-- Jornal Nação --